As saudades da novela protagonizada por Diogo Morgado e Joana de Verona vão ser muitas. O final foi bastante surpreendente e recheado de momentos que marcaram a história dos personagens que, durante oito meses, nos fizeram companhia diariamente na TVI. Com um final tão marcante, há momentos que fizeram deste episódio um episódio muito especial.

 

Clique nas imagens para ver os momentos mais marcantes do final de Ouro Verde.

 

1. Mayra Andrade na Gafieira

 

 

A cantora cabo-verdiana esteve na Gafieira para ajudar Hadja a celebrar o seu aniversário e a festa foi de ARROMBA.

 

2. O final de Vera

 

 

Vera (Ana Sofia Martins) acabou da pior forma: num hospital prisão, ainda fora de si. O mais surpreendente: Vera passou a detestar comida.

 

3. Tomás é inocente

 

De uma maneira surpreendente, Tomás foi inocentado do crime da morte de Catarina. Um rapaz que observa a orla costeira entrega à PJ um vídeo onde se vê Miguel a empurrar Catarina de uma falésia. Tomás pode, finalmente, respirar de alívio com uma prova que o pode tirar da cadeia.

 

4. Rita torna-se a primeira dama da Alta finança Europeia

 

Depois de anunciar que quer fundir o seu banco com o BBFF, Maria Teresa pede a António que assuma as funções de presidente do banco. Rita fica tão em choque, que desmaia nos braços do grande amor da sua vida: António.

 

5. Sérgio, a próxima estrela da música

 

 

Todos ficaram encantados com a voz de Sérgio, interpretado por Diogo Branco. Veja aqui o "cover" de "Dialeto", de Diogo Piçarra.

 

6. Sebastião é preso

 

 

Para muitos, este podia ter sido um triste final. Para Sebastião, foi a melhor coisa que aconteceu. O ex-padre é preso pela morte de Joaquim e começa a espalhar a palavra de Deus na cela.

 

7. Laurinda, a governanta

 

Depois de tanto bullying, Laurinda conquistou o "amor" de Rita e Maria Teresa e ganhou uma nova posição do seu agrado. Agora, quem manda é ela.

 

8. O casamento de Bia e Jorge é invadido por Miguel

 

 

Até no último momento da novela, Miguel não deu descanso ao casal de protagonistas. O personagem de Luís Esparteiro invadiu o casamento da filha com uma arma, pronto a disparar. Disposta a salvar o seu amor, Bia ameaça o pai com uma arma, dizendo que ele teria de primeiro atirar nela. Surpreendo tudo e todos, Miguel dispõe-se mesmo a matar a filha preferida e atira, acertando de raspão em Jorge. Bia também atira e mata o pai. Sempre dividida entre Jorge e Miguel, Bia fez uma escolha final: a do amor.

 

Qual foi o seu momento preferido?