Depois de quase ter matado Catarina (Inês Nunes), Mónica (Sílvia Pfeifer) insiste com Tomás (Pedro Carvalho) que assuma as responsabilidades e se entregue a polícia. O filho mais velho de Miguel (Luís Esparteiro) acaba por fazer o que a mãe pede mas mente às autoridades dizendo que estava bêbado e que não se lembra de nada.

 

 

Mónica, depois de saber que foi o seu filho Tomás quem deixou Catarina às portas da morte, exige que ele se entregue às autoridade ou ela mesmo o acusa caso o hospital ainda não o tenha feito, deixando-o em pânico. Entretanto aparece José (Rui Mendes) e o Padre Sebastião (Ângelo Torres) acompanhados pela agente Marília pronta para o interrogar. Tomás, assustado, acaba por mentir à agente dizendo que bebeu demasiado e que não se lembra do que fez a Catarina, lembrando-se apenas da sova que recebeu de Tiago (Fredy Costa). Rita (Dina Félix da Costa) defende o sobrinho e confirma, deixando Mónia chateada.

 

 

Antes de sair, a agente diz a Tomás que o aguarda na esquadra no dia seguinte. Mónica, revoltada com a mentira do filho, mostra desprezo acusando-o de ser cobarde e sai. Rita, a sós com Tomás, insiste para ele ir à esquadra prestar declarações quando aparece Sancha (Júlia Palha) que diz que Bia (Joana de Verona) e António (Nuno Pardal) já sabem de tudo, deixando Tomás ansioso. De regresso à casa do avô, Sancha diz à família que Tomás está com pouca vontade de ir à esquadra o que leva Mónica a dizer que vai resolver o assunto e dá uma desanda ao filho dizendo que se ele é homem, tem de assumir tudo o que fez.

 

 

Mais tarde, Francisco (Pedro Lamares) e Mónica almoçam juntos quando são surpreendidos por Tomás. O diretor de marketing do BBFF diz à mãe que já fez o que ela queria acrescentando que manteve a versão que não se lembrava de nada, o que leva Mónica a dizer que ele é a vergonha da família mandando-o embora.

 

 

Será que Tomás vai pagar pelo que fez? Se esta curioso por saber, continue a acompanhar os próximos episódios de “Ouro Verde” e fique a par das novidades no Facebook oficial.