7 jan, 22:52

Uma semana cheia de grandes desafios!

Na sétima semana de competição os aspirantes começam por apanhar um valente susto quando o Tio Goucha os convida a visitar o Museu Assombrado do MasterChef Júnior: os quadros e as estátuas mexem-se...! Depois da visita, os aspirantes dirigem-se às suas bancadas onde encontram Caixas Mistério. As caixas não têm o mesmo conteúdo: umas têm canetas coloridas e outras um prato vazio. Esta prova vai ser a pares e em cada par um dos aspirantes tem de desenhar e fazer mímica para que o seu colega possa cozinhar o prato desenhado. A Maria Tete tem de desenhar Sopa da Pedra para que a Joana a possa cozinhar; o José tem de explicar ao Nuno como se faz um Polvo à Portuguesa; a Ariana vai desenhar Bacalhau Espiritual para o António; a Flor tem de adivinhar Rolo de Carne com a Beatriz a desenhar e a Maria tem de explicar ao Américo como se faz uma boa Canja de Galinha.

O nível de cozinha eleva-se com esta prova, mas a vitória pertence ao António e à Ariana.

Na segunda prova do programa, os aspirantes ficam surpreendidos ao verem fumo na cozinha. Do céu desce um frango do campo, que os aspirantes têm de desmanchar em 10 minutos. Alguns não são bem sucedidos, mas o Nuno e o Américo desmancham o frango de forma irrepreensível e recebem 6 pontos cada. Somadas as pontuações, enfrentam a última prova a Flor, o José, a Maria Tete, a Joana e a Beatriz.

A prova final da semana é um grande desafio e os aspirantes têm de cozinhar em 3 rondas, sempre com os mesmos ingredientes da Caixa Mistério. Em cada ronda, o autor do melhor prato recebe 6 pontos e passa diretamente para a oitava semana de competição. Na primeira ronda é a Flor a brilhar com um Caril Verde de Camarão com Arroz Branco. Na segunda ronda o vencedor é o José que faz um Estufado de Legumes com Camarão. Na terceira ronda é Joana a vencedora com um Leite Creme. Sendo assim, a Beatriz e a Maria Tete abandonam a cozinha do MasterChef Júnior.