NESTE EPISÓDIO...

Marta e Bernardo a chegam a tempo de ver o começo do voo de Joana.

O aparelho de parapente onde vai Joana despenha-se num monte e Marta e Bernardo correm para lá, querendo saber se a filha está bem. Marta e Bernardo precipitam-se para o corpo de Joana, que não dá acordo de si e Marta grita a Bernardo para chamar uma ambulância.

Lola, com uma ferida na cabeça, conta a Goreti que raptaram o filho de Tiburón.  Beatriz diz a Tiburón que foi Joaquim quem lhe roubou o filho e Tiburón liga a Joaquim, mas este diz que se está a lixar para o filho do antigo empregado e Tiburón diz a Beatriz que tem a certeza que foi mesmo Joaquim.

Vicente aparece no bar de alterne e fica a saber que Joaquim levou o filho de Tiburón, mas Tiburón diz a Vicente que não quer a polícia metida no assunto e Beatriz, a sós com Tiburón, diz-lhe que ele sabe que só terá o filho de volta quando meter Joaquim na cadeia.

Diego confirma a Beatriz que têm o miúdo com eles, acrescentando que quer ver Beatriz bem, mas esta diz-lhe que não acredita nas mentiras dele.

Lupe está a cuidar de Rita, quando Bernardo, Marta e Samir chegam a casa, arrasados, e Marta conta que Joana morreu, quando aparecem Maria do Carmo e Carlota, com Maria do Carmo a acusar Samir de ser o responsável por tudo.

Olívia mostra a Vicente imagens das câmaras do bar de alterne, onde se vê um homem a entrar numa carrinha da empresa de Joaquim com um bebé embrulhado num cobertor e Vicente afirma que pode ser um ajuste de contas entre Joaquim e Tiburón.